35 formas de simplificar sua vida

legs-434918_1280

A vida é simples, nós a complicamos. A ansiedade de ter muitas coisas para fazer e ver acaba nos prejudicando e desacelerar pode ser a resposta que você também precisa para melhorar sua qualidade de vida.

Resolvi criar uma lista de tópicos simples que podem te dar um rumo para a simplicidade.

  1. Avalie como tem gastado seu tempo
  2. Organize sua casa
  3. Organize seu celular e computador
  4. Desapegue das redes sociais que não te fazem bem
  5. Desapegue de pessoas que te fazem mal
  6. Mantenha na sua vida o que te faz feliz e não é um peso para você
  7. Tente meditar algumas vezes na semana, pelo menos 10 minutos
  8. Aprenda a não colocar os padrões da sociedade no seu corpo
  9. Destralhe seu armário, caixa de acessórios e tudo aquilo que não usa mais. Coisas paradas são energias acumuladas
  10. Recicle revistas e agendas velhas
  11. Exercite-se
  12. Passe mais tempo fazendo aquilo que você ama
  13. Siga sites e pessoas inspiradoras
  14. Tenha gratidão
  15. Aprenda a dizer não
  16. Se perdoe
  17. Esquece aquela ideia de ser multitarefas
  18. Pare de reclamar
  19. Desista de manter um padrão de vida que esperam de você
  20. Aprecie a solidão
  21. Livre-se de um hábito ruim
  22. Pare de acumular coisas e sentimentos ruins
  23. Faça uma lista com tudo que você tem e precisa de concerto, trabalhe nessa lista até termina-la
  24. Cure a necessidade de aprovação de todos
  25. Desista de ser perfeccionista, nada é perfeito
  26. Você não deve explicação nenhuma sobre decisões pessoais suas
  27. Aprenda que a felicidade não pode ser comprada. Se para você felicidade é ter o carro do ano, lembre-se que ela terá a duração de apenas um ano ou muito menos que isso
  28. Passe mais tempo com quem você ama
  29. Aprenda a delegar tarefas
  30. Se concentre no presente
  31. Repense os tamanhos dos seus bens. De camas até sua casa e carro
  32. Coma apenas quando você estiver com fome
  33. Pare de comprar coisas inúteis
  34. Crie uma lista simples de tarefas no seu dia a dia
  35. Deixe seu trabalho lá, nada de trazer as preocupações para casa.
Anúncios

#Inspirações

light-2431269_1280

Para iniciar bem fevereiro trago aqui algumas inspirações que valem por um ano inteiro.

A primeira e um post com três poemas de Cora Coralina.

Grande poetisa e contista, Cora Coralina publicou seu primeiro livro aos 75 anos. Nesses poemas que foram selecionados podemos ver a face sábia e simples de Cora.

  • Escritor e designer Graham Hill fala sobre ocupar menos espaço e demonstra como três regras podem mudar a sua vida.

 

  • No video abaixo podemos ver como os pensamentos positivos fazer bem para o nosso cérebro.

Como transformar seu tablet em um leitor digital

transformar tablet kindle

Resolvi criar esse post para que quem possui um tablet ou Smartphone velho em casa aprenda a dar nova vida a eles. Nada como reaproveitar um aparelho e poder curtir seus livros por aí sem gastar nada com isso.

Sou uma leitora de livros digitais a pelo menos 10 anos. Sempre li no meu Desktop ou Notebook e uma das maiores dificuldades é não ter a facilidade de poder leva-los para onde eu quiser.

Quando começaram a lançar os primeiros leitores digitais (eReaders) fiquei encantada e louca por um, mas achei desnecessário comprar um sendo que tenho outros dispositivos que posso ler perfeitamente em casa.

Consegui me controlar e não comprar mais um produto eletrônico, mas estava querendo muito poder ter essa flexibilidade de ler deitada ou fora do ambiente de casa sem carregar peso extra na bolsa, então resolvi dar uma função ao meu tablet que estava guardado sem uso (ele foi resultado de um consumo desnecessário que poderia ter se tornado uma viagem ou um dinheiro a mais na caderneta, mas graças ao minimalismo hoje sou muito mais consciente).  

Deixando claro que um tablet tem muitas limitações em relação aos eReaders, mas para quem tem vontade de reaproveitar um aparelho que estava parado, vale a pena.

Vou listar abaixo o que fiz com o meu tablet.

  • Primeira coisa que fiz foi  excluir todos os aplicativos que não me interessavam mais e os que ficaram desabilitei todas as notificações.

 

  • Depois é baixar um aplicativo para acelerar o tablet. O Root Booster é um app para quem precisa acelerar a performance de um aparelho, pode ser tablet ou Smartphone e também melhorar a bateria. Não esperava muito dele e me surpreendi. Ele tem uma versão mais completa paga, mas a gratuita funciona perfeitamente bem. Ele é de muita ajuda porque o tablet tem uma bateria que dura bem menos que os leitores digitais.

 

  • Após é só escolher um app (ou vários) de leitura para baixar. Existem muitos como Kindle, Kobo, Lev, Wattpad, Google Play Livros.

 

  • Instalei o Kindle que já tinha usado no Desktop e o eReader Prestigio. Ele possui e-books gratuitos e pagos em português e lê arquivos pdf, epub, doc, entre outros. Ele também tem a função para regular a intensidade de luz na tela e abre arquivos de livros que estão no seu aparelho.

 

Agora é só aproveitar o seu “novo” leitor digital por aí. Eu sei que vou aproveitar como nunca meu tablet!

 

O consumo feminino

shopping-2411667_1280

Já faz um tempo que estava pensando nesse post falando sobre a sociedade e como ela estimula o consumo feminino.

Desde sempre nós temos, em grande parte dos lares, a responsabilidade pelas compras. Das compras básicas do supermercado até roupas para quase toda a família.

Coloca-se aí a fama que a mulher leva de comprar demais e gastar muito.

O que normalmente não é falado é como a mulher recebe doses pesadas de publicidade todos os dias e normalmente está fundamentada na nossa insegurança e “obrigações” diante da sociedade.

A mulher foi vista como um caminho para a entrada nas nossas casas de novos produtos e formas de consumo. E a cada ano que passa a propaganda foca mais cedo nas nossas meninas.

Um livro que sempre indico para amigas “O que está acontecendo com nossas garotas? Como nossas garotas estão sendo superestimuladas, superexpostas e supersensualizadas cedo demais.” A autora é Maggie Hamilton, ela diz:

“Enquanto nossas menininhas estão crescendo continuam a absorver poderosas impressões sobre o que se espera delas a partir de seus brinquedos, roupas, livros, acessórios, filmes e revistas, TV e DVDs. Isso tudo integra a vida de uma menina precocemente, quando sua identidade está começando a se formar.”

Não é difícil imaginar como essas meninas vão crescer inseguras com seu corpo e o seu valor. E na nossa sociedade atual muitas pessoas se prendem ao valor das coisas que tem para mostrarem que são algo.

Isso sem dúvida vai ter um peso grande no consumo de produtos de beleza, procedimentos estéticos, roupas e acessórios.Tratando do esteriótipo de mulher que é apresentado a nós desde pequenas.

A publicidade tem muita responsabilidade sobre o comportamento feminino. Continuam influenciando milhares de pessoas ao consumo exagerado e uma busca impossível pelo corpo perfeito acaba nos afastando do verdadeiro “ser”. Associando o consumo a sentimentos de prazer e felicidade, estamos ficando cada vez mais longe desses sentimentos.

O movimento feminista olha pela perspectiva da imagem que foi formada da mulher na sociedade, como a publicidade nos traz como consumidoras, mas também como produto de consumo nas propagandas. Reforçando esteriótipos e criando outros. Basicamente a publicidade sendo um reflexo do patriarcado.

Vindo de encontro com esse princípio (aleluia) estamos em uma crescente de mulheres mais conscientes, que sabem a manipulação por trás das propagandas, sabem que o modelo de corpo vendido não é real. Pensando em um planeta mais sustentável e que valoriza bons momentos e não coisas.

O minimalismo tem aberto também muitos olhos para esse modelo de consumo. Saber que ter o suficiente nos basta, consumir de forma melhor, com qualidade, valorizando e sendo grato por tudo que temos. Ter uma vida consciente e feliz.

E é o que eu desejo, que cada dia mais mulheres e meninas possam se abrir para esses conceitos e se libertarem desse consumo sem sentido.

 

ser-ter

 

 

 

 

Como eu vou me organizar em 2018

planner bullet journal

O ano de 2018 começando e uma das coisas mais aguardadas é iniciar um novo planner!

Esse ano além do bullet journal, contei dele para vocês aqui nesse post, irei utilizar um planner também.

Resolvi usar os dois esse ano porque ano passado senti alguma dificuldade no bujo. Não tenho talento para desenhar, então meu layout era o básico mesmo, porém, ter obrigatoriamente que fazer toda semana antes de começar a planejar me desanimava bastante.

Eu queria começar logo a definir minhas prioridades, mas me sentia presa a fazer um layout minimamente bonitinho e acabava perdendo tempo com isso.

A solução foi então partir para um planner. Listei para vocês 5 planners gratuitos aqui no blog.

Pesquisando preço entre comprar um pronto e imprimir na gráfica (aqui na minha cidade é difícil encontrar um preço mais baixo), resolvi optar pelo West Village, da Tilibra.

planner bujo

Pode-se dizer que ele quase não é um planner. Eu explico! Por mais que ele tenha o layout característico mensal e semanal, ele não possui nenhum outro item clássico que caracteriza um planner, como hábitos diários e planejamento financeiro.

Ele sendo bem simples foi o que me conquistou. Leve, objetivo e claro era o que eu estava procurando e o West é tudo isso.

Como o planejamento financeiro é algo que preciso MUITO, resolvi deixa-lo no bujo, assim posso atualizar duas vezes ao mês, ter um local específico e não preciso carregar para todo lado. Além dele, deixo um local para anotações gerais e de trabalho e minha Mandala lunar.

Minha forma de organização continua como no bujo porque me adaptei muito bem a ela. Uso tópicos para listar minhas tarefas e vou as ticando quando são cumpridas, adiadas ou excluídas.

Para quem ainda tem duvida de como fazer um bullet, vale a pena ler o livro Diário de Tópicos da Rachel Wilkerson Miller. Ele é super didático e aqui você pode ter uma amostra dele.

Um pouquinho mais de como é o West Village para vocês.

planner tilibra

west village

planner minimalista

#Inspirações: comece 2018 com o pé direito

sparkler-677774_1280

Último post de inspirações do ano, resolvi listar aqui matérias de outros sites que foram extremamente importante para mim nesse ano de 2017.

Não foi um ano fácil, mas sem dúvida foi de muito crescimento pessoal e sem essas grandes pessoas que se disponibilizam a distribuir conteúdo de qualidade ele não teria sido assim.

Então vamos colocar a mão na massa? 2017 está terminando, mas ainda temos tempo de fazer os últimos dias dele melhor ainda e começar um 2018 diferente.

Como não poderia ser de forma diferente, quero terminar esse ano agradecendo por todos os momentos vividos. Gratidão a todos que acompanharam o blog, que 2018 venha repleto de paz, saúde e amor para todos nós!

 

 

Limpeza de Ano Novo

wash-the-dishes-1335382_1280

Todo final de ano eu faço uma limpeza geral aqui em casa, é como se eu sentisse necessidade entrar no próximo ano mais leve e organizada.

Esses dias, acabei cruzando com um post do Hypeness sobre uma tradição milenar japonesa chamada Oosouji, ele tem o objetivo de fazer uma faxina geral em todas as áreas da nossa vida e ser um purificador para o ano novo.

Conhecendo um pouquinho mais dessa tradição e pensando na faxina que já fazia, resolvi listar aqui o que farei para iniciar o ano de 2018 com o pé direito.

Começarei com meu último destralhe do ano, passando pelos papéis, roupas, sapatos, bijuterias, livros, produtos de cozinha, remédios, etc.

Separarei em doar, jogar fora e vender, além de separar objetos que precisam de reparo.

Depois iniciarei minha faxina.

Resolvi utilizar produtos menos tóxicos então o vinagre branco e o bicarbonato de sódio vão ser as estrelas.

No YouTube tem uma série de vídeos dedicados a dar dicas para facilitar a sua vida na hora de faxinar. Um dos canais que eu gosto e sou inscrita é o Organize sem Frescuras!

Além da limpeza tradicional, resolvi também trazer alguns itens (não tradicionais) para melhorar a energia aqui de casa.

Para eliminar energias negativas colocarei sal grosso nos 4 cantos dos cômodos, ele deve ser retirado depois de 48 horas e jogado fora.

Se livrar de objetos quebrados também ajuda a eliminar essas energias. Segundo o Feng Shui eles são fontes de energia parada.

Ter uma boa disposição dos móveis, deixar as entradas livres e o ar correr também ajuda na renovação das energias.

Coloquei uma Espada de São Jorge no meu quarto. Ela é conhecida por melhorar os níveis de oxigênio e purificar o ar.

Começar 2018 com boas energias em casa e pensamentos positivos podem fazer a diferença.